Informações do curso
Curriculum
Avaliações

Sobre o curso

Visão panorâmica do Antigo Testamento objetivando um entendimento básico, mas exato, da mensagem de cada livro e uma maior valorização da importância do Antigo Testamento na vida dos estudantes e no Corpo de Cristo.
ATENÇÃO: Este módulo é oferecido com aulas ao vivo apenas na data divulgada no Calendário Acadêmico: https://etebabi.com.br/calendario

What Will You Learn?

  • Ao fim deste curso o aluno deverá ser capaz de:
  • Explicar por que os crentes de hoje devem estudar o Antigo Testamento
  • Citar em ordem bíblica os livros do Antigo Testamento
  • Dar um panorama da história e dos temas dos livros do Antigo Testamento

About the instructor

instructor avatar
Pr. Manoel Cano
Bacharel em Teologia, com Especialização em Ministério Pastoral, pelo Seminário Bíblico Palavra da Vida; Pastor Batista; Editor do Jornal "O Batista Bíblico"; Nascido em Campinas, SP, casado com Lilian com quem tem dois filhos: Érika e Felipe.

Course Curriculum

1º Dia
Síntese do Antigo Testamento I. Descrição: Visão panorâmica do Antigo Testamento visando um entendimento básico mas exato da mensagem de cada livro e uma maior valorização da importância do Antigo Testamento na sua própria vida do aluno e na igreja de Cristo. II. Objetivos: No fim deste curso o aluno deverá ser capaz de: A. Explicar por que os crentes de hoje devem estudar o Antigo Testamento B. Citar em ordem bíblica os livros do Antigo Testamento C. Dar um panorama da história e dos temas dos livros do Antigo Testamento III. Avaliação: A. Questionários B. Prova Data Assunto Avaliação 09/05 Apresentação do curso / divisão dos livros do A.T. /Gn./Ex./Lev 10/05 Nm/Dt/Js/Jz 11/05 Rute/1Sm/2Sm/1Re 12/05 2 Re/1 Cr./2 Cr./Ed 13/05 Ne/Et/Jó/ Sl. I. Introdução A. Por que estudar o Antigo Testamento? - Lc 24.25-27, 44,45 – Jesus - O NT contém 260 capítulos – 209 citam o AT - 1Co 10:11,12 B. Tema da Bíblia Glória de Deus através da salvação do homem na pessoa de Jesus Cristo C. Definição Síntese – Colocar juntos (sin – colocar / tese – juntos) II. Divisões do A.T. Históricos ( ) Poéticos ( ) Proféticos ( ) Pentateuco ( ) Gn Ex Lv Nm Dt Jó Sl Pv Ec Ct Profetas maiores ( ) Is Jr Lm Ez Dn Históricos ( ) Js Jz Rt 1e2Sm 1e2Rs 1e2Cr Ed Ne Et Profetas menores ( ) Os Jl Am Ob Jn Mq Na Hc Sf Ag Zc Ml Passado Intelecto Saga Prosa Eventos Presente Emoções Sentimentos Poesia Experiência Futuro Vontade Sermões Profecia Expectativa Número de livros: No A.T.: ____ No N.T.: ____ Total: ____ Gênesis “Em Gênesis tudo começou e Abraão Deus abençoou” Autor: Moisés Data: entre 1500- 1445 a.C. Versículos Chaves: 12:1-3 (1:1, 3:15) Frase Chave: “Começos” (“São estas as gerações de ...”) Tema: O começo da redenção da raça humana: a aliança de Deus com a raça hebraica Propósito: Foi escrito para revelar a Deus como Criador, Juiz, e Redentor do mundo, que escolheu o povo de Israel como canal da Sua bênção. Personagens Ilustres: Adão, Noé, Abraão, Isaque, Jacó, José Contribuição ao Cânon: 1. Sem Gênesis, nós não conheceríamos nada sobre “começos” (veja a lista seguinte). 2. Dá um fundamento histórico, salfívico, e teológico para a Bíblia inteira. Esboço: I. O começo da raça humana (1-11) A. Criação (1,2) B. Queda (3-5) C. Dilúvio (6-9) D. Nações/ Babel (10,11) II. O começo da raça hebraica (12-50) A. Abraão (12-25) B. Isaque (21-27) C. Jacó (25-36) D. José (37-50) Fatos interessantes: ►Gn abrange um período de tempo maior do que qualquer outro livro da Bíblia (2500 + anos) ► É o quarto maior livro da Bíblia ► 1/5 do livro trata de 4 eventos e 2000 + anos, mas 4/5 trata de 4 pessoas (Abraão, Isaque, Jacó e José) e cerca de 300 anos ► É uma história seletiva, não inclusiva (uma interpretação há história) Pontos notáveis: 1. Começos em Gênesis - o mundo - a raça humana - pecado - a família - a promessa de redenção - casamento - civilização - as nações - a raça hebraica - idiomas - julgamento - morte - dor - sacrifício - poligamia - o sábado - governo 2. Gênesis e as Grandes Perguntas da Alma: - A eternidade de Deus: Quando (e como) Ele começou? - De onde veio o homem - Como surgiu o pecado? - Como pode o homem pecador voltar para Deus? - Como pode o homem agradar a Deus? 3. O Messias em Gênesis, a Semente ... - da mulher (3:15) - de Abraão (22:18) - de Isaque (26:4) - de Jacó (28:14) - de Judá (49:10) 4. Estrutura Literária: 10 “painéis” de Gênesis “São estas as gerações de ...” (ou, “Isto é o que tornou de ...”) 1. Os céus e a terra (2:4) 2. Adão (5:1) 3. Noé (6:9) 4. Os filhos de Noé (10:2,6) 5. Sem (11:10) 6. Terá (11:27) 7. Ismael (25:12) 8. Isaque (25:19) 9. Esaú (36:1) 10. Jacó (37:2) Aplicações: 1. O homem é pecador incurável à parte da graça/ redenção do Senhor 2. Deus começa obras novas com pessoas escolhidas (cf. Noé, Abraão, Moisés, Zorobabel ...) 3. Deus é soberano Criador com todo o universo sob Seu controle 4. Sem fé é impossível agradar a Deus ! 5. Deus prova a fé do Seu povo (Adão, Abel, Noé, Abraão, José) 6. Sempre é seguro confiar em Deus em toda e qualquer circunstância (fome, fracasso, etc.) Êxodo “ Com Êxodo vem redenção e leis para santificação” Nome: “Saída” (Hb. = “E estes são os nomes” Autor: Moisés Data: entre 1445-1405 a.C. (há debate) Versículos Chaves: 19:4-6 (3:14, 18:10,11) Frase chave: “Saindo do Egito” (“Redenção”) Tema: A fidelidade à aliança de Deus manifesta na redenção de Seu povo do Egito; a exigência de obediência do povo à aliança. Propósito: Foi escrito para descrever o nascimento da nação de Israel que eventualmente traria bênção ao mundo, para combater a idolatria e revelar a identidade do SENHOR. Personagens principais: Moisés, Arão, Faraó Contribuição ao Cânon: 1. Traça o começo da nação de Israel; 2. o grande livro do VT sobre REDENÇÃO; 3. revela a fidelidade de Deus à Sua aliança com Abraão; 4. estabelece padrões para conduta e um alicerce de doutrina no NT (redenção, santificação, Páscoa, sacrifício) Esboço: I. Redenção (1-18) A. Perseguição do Povo (1) B. Preparação do líder (2-4) C. Pragas e Redenção (5-15) D. Preservação no deserto (15-18) II. Revelação da Aliança Mosaica (19-40) A. A lei (19-24) B. O Padrão do Tabernáculo (25-31) C. Idolatria (Aliança Quebrada) (32-34) D. A construção do Tabernáculo (Aliança Cumprida) (35-40) Fatos interessantes: ► A população de Israel: 2.000.000 + 603.550 homens 20+ (12:37, Nu 1:46) + 603.550 outros homens 1.207.100 Homens 1.207.100 mulheres 2.414.200 pessoas ► A vida de Moisés divide-se em três períodos de 40 anos (Egito, deserto e êxodo). Pontos notáveis: 1. ligações entre os livros do Pentateuco. Ex começa onde Gn terminou (a primeira palavra hebraica é uma conjunção, “e”). A chegada da glória do Senhor no fim do livro é uma chave deste livro, e Lv também. Deus abençoou a obediência do Seu povo com a Sua presença (Êx); Lv responde à pergunta “Como viver na presença de Deus?” 2. Os Salmos e os profetas olharam para trás e visam os eventos do êxodo como o milagre mais impressionante na história de Israel. 3. Mapa Aplicações: 1. Deus sempre está cônscio da situação do Seu povo, e age na hora certa para ajudá-lo 2. A natureza do homem é esquecer e reclamar, mas a fidelidade de Deus no passado deve ser de grande consolação e motivação no presente 3. Deus usa o “deserto” para amadurecer Seu povo 4. Deus exige (e abençoa) obediência completa aos Seus mandamentos 5. Deus está interessado em cada área da vida so Seu povo, meticuloso a respeito de “minúcias” (ORR) 6. Temos acesso direto à presença de Deu (Hb 10: 19-22) Levítico “Como viver na presença de Deus? Levítico dá regras aos judeus.” Nome: “Pertinente aos levitas” (LXX) Hb.= “E ele chamou” Autor: Moisés Lugar: Mt. Sinai Versículos Chaves: 20:7,8 (11:44,45; 19:2) (17:11) cf. 1 Pd 1:15,16 Frase Chave: “Santidade/ Santo” (“Eu sou o Senhor”) Tema: Santidade (Como pode um povo que não é santo aproximar-se do Deus santo?) Cf. Hb 10:11, 12, 14, 19-22 Propósito: Foi escrito para revelar que a presença do Deus santo entre o Seu povo exige uma aproximação baseada em sacrifícios e a separação nacional de toda contaminação. Personagens principais: Moisés, Arão, Nadabe/Abiu Contribuição ao Cânon: 1. Revela a importância de santidade no povo 2. Provê o sistema religioso para a nação 3. Estavelece alguns padrões de relacionamento entre Deus e homem (sacrifício, mediação, etc.) 4. Dá um profundo sentimento de horror ao pecado Esboço: I. Aproximação de Deus (1-17) A. Ofertas (1-7) B. Sacerdotes (8-10) C. Santidade de vida (11-15) D. Expiação (16,17) II. Preservação de santidade (18-27) A. Povo santo (18-20) B. Sacerdotes santos (21,22) C. Festas santas (23-25) D. Outros (26,27) Fatos interessantes: ► Deus “antecipou” ciência / medicina em muitos pontos da lei. Por exemplo: porco (11:7) circuncisão (12:3) ► De todos os livros do VT, Levítico é o que encontra maior correspondência tipológica no NT. ►Deus decretou vários feriados para o povo de Israel; três feriados anuais, um ano inteiro de férias a cada sete, e, uma vez na vida, o ano de jubileu! Pontos notáveis:1. É bem possível que Levítico fosse um manual de instruções para os sacerdotes. Aplicações: 1. O aspecto central da vida do povo de Deus deve ser adoração 2. A presença do Deus santo exige santidade em cada área da minha vida (não posso entrar na Sua presença com pecado. 3. Deus sempre exige o melhor nas ofertas do Seu povo. 4. Existe um padrão mais alto para o ministro que serve como embaixador do Senhor. 5. Precisamos de tempo para refletir, descansar, meditar e adorar (1:7) 6. Nossas vidas são cheias de “lembranças” dos resultados do pecado (sujeira, dor ... 7. O custo de pecado é grande. Todo pecado é horrível na presença de Deus

  • Aula 1 – Gênesis, Êxodo e Levítico

2º Dia

  • Aula 2 – Números, Deuteronômio, Josué, Juízes

3º Dia

  • Aula 3 – Rute, 1 e 2 Samuel,1 e 2 Reis

4º Dia

  • Aula ao Vivo – 4º Dia
  • Aula 4 – 1 e 2 Crônicas, Esdras, Neemias

5º Dia

  • Aula ao Vivo – 5º Dia
  • Aula 5 – Ester, Jó, Salmos

Questionário de Avaliação Geral do Curso

Student Ratings & Reviews

No Review Yet
No Review Yet
R$90

Materiais inclusos

  • Apostila;
  • E-books;
  • Resumo das aulas;
  • Exercício de fixação;
  • Tarefas.

Requisitos

  • O aluno precisa ter disposição e disponibilidade para aprender;
  • O aluno tem que ser disciplinado, em seu tempo de estudo;
  • O aluno tem que está com a mente e o coração prontos para o aprendizado;
  • O aluno precisar ter o "copo vazio" para poder ter as condições de aprender sobre a matéria. Pois se já vier com uma mente preconcebida de certos assuntos, ficará difícil o seu desenvolvimento;
  • E por fim, não menos importante, é necessário ter bons matérias (Bíblia de Estudo, Livros de Teologia, Dicionário Bíblico, Comentários, etc..), para ajudar no aprendizado.

Audience

  • Direcionado para missionários e pastores que desejam uma formação, se aprimorar ou adquirir conhecimento de Deus e de Sua palavra.